Ícones da Publicidade Papa Xibé

Todo lugar possui seus símbolos, ícones e representações tão particulares que identificam, só do simples olhar, a identidade de um povo, sua cultura e seus aspectos mais fundamentais. A verdade é que a publicidade não só usa esses símbolos populares, como também os cria, ou reinventa-os. Em Belém temos alguns casos, como veremos a seguir, de ícones da publicidade que de tão fortes, já se fundiram ao repertório cultural local, ou viraram parte da paisagem.

São expressões que atravessam gerações e que mostram a importância da publicidade como ferramenta de comunicação.

1 – COPO DA CERPA

Não há quem passe pala primeira vez pelo entroncamento que não fique observando o famoso (e famigerado) Copo da Cerpa. Lembro-me dos tempos de criança, quando subia em lugares altos só para ver ao longe o copo acender e apagar, acender e apagar…

Apesar de muitos falarem mal, é inegável que já faz parte da nossa paisagem, chega a ser quase um cartão postal (pelo menos bem melhor do que o Pórtico). Este grande projeto, ofusca até o Memorial da Cabanagem de Oscar Niemeyer que está localizado bem próximo.

2 – CANGURU DA RADIOLUX

Mascote da rede de lojas Radiolux, este simpático canguru já virou ícone da publicidade local. Não há quem o veja e não o associe diretamente com a loja. Não é difícil de vê-lo pelas ruas da cidade fazendo propaganda volante das ofertas. Este ícone é tão forte que já virou fake no Twitter e Facebook.

3 – SLOGAN GENTE BOA

A gente sabe que um slogan ou assinatura são bons quando eles caem na memória e na boca do povo, e foi justamente isso que aconteceu com o famoso bordão: “Ele é gente boa, tem até o cartão Yamada”.

Mesmo depois de muito tempo que os comerciais com esse mote não são veiculados, ainda encontro pessoas fazendo alusão a ele.

4 – ESTÁTUA DA LIBERDADE BELÉM IMPORTADOS

É fato que ela não é a mais bonita peça do designer urbano da cidade, e é fato também que peca “um pouco” em questões de proporcionalidade, mas não há como negar que a Estátua da Liberdade genérica do Belém Importados é um ícone (para o bem ou mal) da publicidade regional.

5 – CÍRIO DE NAZARÉ

O Círio é a maior expressão religiosa do Pará e do Brasil, mas também é um período onde a publicidade em Belém ferve. Muitíssimas marcas querem se vincular ao Círio, seja na forma de patrocínio, anúncios ou homenagens, mas todas querem se fazer presente. E são inúmeras as formas de mídia que vemos: ventarolas, faixas, embalagens, outdoor, TV e o tradicional Cartaz. Esta sazonalidade é muito importante para o mercado publicitário daqui, pois além de movimentar uma cifra bem gorda, também é onde aparecem com maior frequência (ou pelo menos ficam mais evidentes) as campanhas institucionais.

6 – PLACAS DE AÇAÍ

Não há nada mais icônico em matéria de publicidade popular no Pará do que as nossas placas de açaí. Nas cores vermelha, ou em alguns casos lilás, e com a palavra açaí escrita em branco, é uma das mais fortes expressões de designer vernácular. Onde há uma venda de açaí, tem uma placa. Isso mostra como o povo pode ter saídas criativas para resolver seus problemas de comunicação, e já foi até usada em cases profissionais (vamos dizer assim). Simples, direta, funcional e popular.

Concordam, discordam, acham que tá faltando alguma coisa? Comentem e entrem na fanpage do The Willy Blog

Contos da Amazônia e Belém tem disso.

O Pará é lindo. Com suas peculiaridades, cultura, lendas, música, sabores, enfim tudo aquilo que o torna belo e exótico aos olhos dos turista e dos paraenses também. E foi pensando nisso que o ilustrador Sergio Bastos criou a série Contos da Amazônia e colabora na série Belém tem Disso. Ambas muito perspicazes ao captar as singularidades do nosso povo e da nossa região.

A série Contos da Amazônia tem o objetivo de mostrar para as pessoas (principalmente os jovens) a importância da preservação ambiental.

Veja o 1º episódio da série:

Veja os outros vídeos no canal Contos da Amazônia

Em parceria com Marcos Daibes nasceu a série Belém Tem Disso. Que mostra de forma bem humorada as peculiaridades da Cidade das Manqueiras.

Veja o 1º episódio da série:

Veja os outros vídeos no canal de Marcos Daibes

Curtiu? Então entra no site do cara e prestigia!

Iron Maiden em Belém do Pará. EU FUI!!!

O dia 01/04/2011 vai ficar na história de Belém do Pará, pois afinal de contas foi o dia mais esperado do ano e para roqueiros, headbangers, apaixonados por heavy metal e tudo quanto é tipo de denominações para os amantes do rock. Foi o dia em que Belém se tornou a capital mundial do Heavy Metal, pois nada mais nada menos que os embaixadores do metal tocaram aqui. Enfim a cidade recebeu uma grande banda de Metal, o todo poderoso Iron Maiden.

Para quem não gosta pode não representar nada, afinal de contas é apenas mais uma banda de rock a tocar na cidade, mas para quem curte, foi HISTÓRICO.Um sentimento inexplicável, pois para muitos, como eu, aqueles caras representavam heróis, representavam aquela rebeldia de adolescente, um tempo que ouvir rock era ATITUDE. Um tempo onde ouvir heavy metal era ir de contra aos bons costumes, um tempo onde andar vestido com camiseta da banda te taxava de doido, anormal. Mas para toda essa legião de pessoas a sua sede foi saciada no dia 1º de abril, dia da mentira, mas o que aconteceu nesse dia foi a mais pura realidade.

Fazendo pose do lado de fora do Cidade Folia

Lembro-me, que a um ano atrás quando ouvi o, até então boato, que a Donzela de Ferro viria à Belém, eu não acreditei, e ainda com o agravante da data, 1º de Abril, pensei que era brincadeira, mas para a minha felicidade, e para milhares, não era.

A tarde estava chuvosa, e uma legião de pessoas vestidas de preto esperava desde cedo na frente do Parque de Exposições do Entroncamento, lugar onde iria acontecer o evento do ano. O portão estava previsto para abrir às 17 horas, mas foi aberto com uma hora de atraso, nada que tirasse o entusiasmo das pessoas.

Quando entramos foi aquele sufoco habitual, todos queria chagar mais próximo do palco. Não importava se estavam na área vip, camarote ou pista, todos procuraram o melhor lugar para ver o espetáculo. Claro que não se compara o bem estar vivido pelo pessoal do camarote e, em menor proporção, do camarote com a luta frenética dos guerreiros da pista. Mas apesar de toda a labuta foi incrível.

Depois de uma hora o Stress abre o show, e nada mais merecido para os caras que foram pioneiros do metal no Brasil, abrir para a maior banda de heavy metal do planeta. Foi mais ou menos uma hora a apresentação dos precursores paraenses. Músicas como Mate o Réu e Coração de Metal embalaram a galera que lotava o Cidade Folia. O Stress finalizou a sua memorável apresentação por volta das 20:10. Agora era só esperar para ver finalmente a maior banda de Heavy Metal da atualidade.

Stress, banda pioneira do metal brazuca que abriu o show do Iron Maiden

A espera ia se tornando uma verdadeira via crúcis, e o tempo ia paulatinamente aumentando a expectativa, a paciência estava prestes a esgotar, 50 minutos se tornaram 50 longos anos, mas faltava pouco, logo estaríamos apreciando a magia que aqueles seis gringos carregavam em seus instrumentos.

Depois de várias músicas tocadas no playback, ouço Doctor Doctor do UFO, eu sabia era essa a deixa o maior espetáculo que Belém já viu ia começar. As luzes se apagaram, no telão imagens desconexas, embaralhadas enfeitiçavam a multidão. O show havia começado de repente eis que eles surgem fazendo o público gritar em frisson. O povo delirava em puro êxtase, foi um misto de sonho e loucura, mas foi sensacional.

Meus amigos e eu no show do Maiden.

O primeiro riff, a primeira batida, a primeira nota vocal, tudo era mágico, de outro mundo, nem dava para imaginar que Bruce Dickinson, Dave Murray, Adrian Smith, Janick Gers, Steve Harris e Nicko McBrain estavam ali bem diante (não tão diante assim) dos meus olhos.

Enquanto a primeira música era entoada pelo Maiden, demorou a cair à ficha, eu estava mesmo vendo aqueles caras que durante muito tempo, junto com o Metallica, fomentaram o meu sonho de ter uma banda de Rock. Após a épica entrada foi a vez de todo mundo se entorpecer ao som de Fear Of The Dark. Não sei bem a ordem do set list, mas isso importa? Só sei que os maiores clássicos foram tocados: The Trooper, The Numbre Of The Beast, Running Free, Blood Brothers e etc.

Após o término do espetáculo, eles se despediram jogaram coisas para o público e foram embora. E assim acabou um dos momentos mais especiais da história do rock da cidade das mangueiras e da minha vida também.

O show acabou cedo, por volta das 23 horas. A multidão se retirou em estado de êxtase, todos com semblantes de deslumbramento. Um momento na vida de cada um que eu tenho certeza que não irá se apagar. Se em uma palavra eu puder descrever a experiência posso dizer que foi transcendental.

Eu só espero que os organizadores tenham notado o sucesso que foi o evento e tragam outras grandes bandas para cá. Mas agora se eu for, vou de front stage.

Valeu Donzela de Ferro!


Imagem do topo foi retirado do blog Centro de Memória da Amazônia

Blogs de paraenses

O Pará, o 2º maior estado brasileiro, “dono” do poderoso rio Amazônas. O Pará da cabanagem, de um povo trabalhador e guerreiro. Pará, estado que abriga a bela Belém, conhecida internacionalmente como a porta de entrada da Amazônia. Cidade morena de belas ruas com túneis de mangueiras, cidade de belos cheiros e muitos sabores. Estado do carimbó, do Pássaro Junino, de uma cultura ímpar e de uma atividade econômica em expansão.

E outra atividade que cresce bastante por aqui é a produção de blogs. Dos mais diversos, abordando todo tipo de assuntos: Tecnologia, publicidade, humor, poesia, moda, música e etc. A seguir uma lista de alguns blogs paraenses interessantíssimos:

1 – 100 Grana – 100grana.wordpress.com


Como o nome já diz o blog tem como proposta falar de cultura pop para lisos (termo para pobres).  O blog fala de diversas vertentes da cultura pop: HQs, animes, cosplays, filmes, desenhos animados, games e etc. O blog é gabaritado e já foi considerado o melhor blog paraense em 2009. Até eu já fiz uma participação especial no blog.

Recomendo!

Eu sou o Hancock.

2 – Galofonegalofone.co.cc

Desse blog eu sou suspeito para falar, mas…

O Galofone nasceu da iniciativa de Acauã Pyatã e Willy Renan(Eu), alunos de comunicação social que queriam falar de temas relacionados com a área de estudo. O blog tem como objetivo abordar a comunicação de uma forma séria, madura e ampla. Dando um caráter democrático à comunicação (aspecto que esta deveria possuir em todos os aspectos).Mesmo não sendo colunista, qualquer um pode publicar posts no blog, desde que seja abordando assuntos de interesse. E tem também a Rádio Galofone, que possui o mesmo príncipio colaborativo do blog.

Não percam e acessem já!

3 – Oportunidades Belémoportunidadesbelem.blogspot.com

Quem é universitário sabe que arranjar um trampo ou um estágio na área que estuda muitas vezes não é tarefa fácil. Por falta do conhecimento ou mesmo do Q.I.(Quem indique), muitas vezes as oportunidades escapam. O OB (Oportunidades Belém) é um blog que indica vagas para profissionais e estudantes de comunicação. Sendo assim um dos blogs mais úteis da blogosfera paraense.

4 – Música Paraense -musicaparaense.blogspot.com

O Pará é um estado muito rico quando tratamos de música. Com uma mistura característica da nossa região, e durante muito tempo distante dos grandes pólos urbanos. O estado é berço de movimentos como a lambada, o carimbó e a guitarrada, além do famoso tecnobrega. O Música Paraense é um projeto que faz uma apanhado da musicografia do estado e a difunde.

5 – Estranho Mondo Monstroestranhomondomonstro.blogspot.com

Uma agência de propaganda é um lugar bem peculiar, e são inúmeras as situações cômicas que acontecem nesse ambiente. E foi para mostrar tais situações que John Bogéa criou o Estranho Mondo Mostro. Com tirinha super bem perspicazes e engraçadas, ele nos mostra a rotina de quem vive nesse louco mundo da propaganda.

6 – Ideia que eu não tiveideiasqueeunaotive.wordpress.com

Às vezes você vê algo e diz: “Putz, que coisa bacana, eu deveria ter tido essa idéia”. Pois é, o Ideias Que Eu Não Tive fala justamente disso. Ele mostra tantas ideias legais que você teria vontade de ter concebido-as. O único problema é que parece que faz muito tempo que ele não é atualizado.

7 – Pensamento Doentio -pensamentodoentio.wordpress.com

Teorias da Conspiração, Assassinos em Série, Seitas religiosas e Lendas Urbanas. Esse blog aborda tais partes do nosso imaginário, que muitas vezes nem é tão imaginário assim. Dá um tantinho de medo, mas em mim não, porque eu já sou hominho…rsrs.

8- Inefávelcoisademito.blogspot.com

Em Belém também se produz literatura, e da boa. No Coisa  de Mito, você encontra ótimos textos em prosa e poesia.

9 – Bitácora do Pedroxbitacora.pedrox.com.br

Você deve estar se perguntando, mas o que é essa tal de bitácora? Com a resposta o próprio Pedrox: “Você sabe o que é bitácora? Apesar de nem imaginar, é claro que sabe. Muito simpático o termo: é um “espanholismo” para o mundialmente famoso weblog, ou blog, corruptela ainda mais pop.

Agora, por que bitácora? A explicação é tão bacana quanto.

“Cuaderno de bitácora” é nada mais nada menos que o diário de bordo onde os capitães de navios fazem anotações técnicas sobre a viagem (condições atmosféricas, força dos ventos, velocidade do barco e outros detalhes do percurso)”.

O blog é muito interessante e sempre tem assuntos bem pertinentes a respeito de uma diversidade de temas.

10 – Belenâmbulobelenambulo.blogspot.com

A linda Belém vista pelo olhar sensível de uma câmera. Vale a pena conferir.

O mais legal foi ver, nessa pequena pesquisa que fiz,  que Belém possui uma comunidade Blogueira forte e produtiva.

E você conhece algum blog paraense que vale a pena ser mencionado? Então opine, reclame, elogie, dê a sua opinião, pois ela é importantíssima. E se você for blogueiro aproveite e divulgue o seu também.

Mas que ônibus eu pego?

Você vai sair hoje, sabe o endereço, mas não sabe que ônibus pegar para chegar ao seu destino, calma meu amigo eu tenho a dica: A SEJEL (Secretaria de Esporte Juventude e Lazer) criou um blog com a finalidade de mostrar o itinerário das linhas de ônibus da região metropolitana de Belém PA.

Idéia simples e prática que facilita e muito a vida do usuário de transporte público (eu só acho que eles poderiam incrementar com um mapa indicando por onde a linha passa, mas a iniciativa é ótima).

Então entre no blog da SEJEL e saiba como chegar ao seu destino: rotadosonibus.blogspot.com

Imagem retirada do blog Ônibus Belém