As “Verdades” de Silas Malafaia.

No último domingo, o líder da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo, o pastor Silas Malafaia, foi entrevistado pela jornalista Marília Gabriela no seu programa “De Frente Com Gabi”. Entre os assuntos abordados, estavam a matéria da revista “Forbes”, onde o pastor aparece com uma fortuna estimada em 150 milhões de dólares (o que o pastor negou veementemente) , e a luta do líder religioso contra os direitos reivindicados pelos homossexuais.

Como sempre com grande veemência o pastor defendeu a sua opinião e “mostrou”  informações que afirmam que a homossexualidade é uma questão comportamental e não genética. O pastor usou “dados” de pesquisas genéticas e segundo o mesmo não existe nenhuma pesquisa científica que mostre que a homossexualidade seja de origem genética. Pois bem, tudo ia dentro da normalidade: O pastor sendo ovacionado pela maior parte dos seus fiéis, uma enxurrada de críticas às suas declarações nas redes sociais, ou seja, como sempre a sua polêmica lhe rendeu bastante visibilidade. O que Malafaia não contava é que o biólogo e doutorando em genética pela Universidade de Cambridge (Inglaterra), Eli Vieira fosse refutar os argumentos utilizados pelo pastor pouco tempo depois da exibição da entrevista (veja no vídeo abaixo).

Como podemos ver no vídeo acima, o pastor Silas Malafaia usa de informações incompletas, ou manipula-as para construir uma argumentação que tenta provar o seu ponto de vista. O que o líder religioso fez, e que é prática comum de vários outros líderes, é a chamada falácia, ou seja, usa argumentos inconsistentes e sem fundamentos para provar o que ele alega. Seus argumentos podem persuadir a massa, pois essa sem muita instrução, ou sem visão crítica das coisas, se deixa levar pela sua capacidade de discursar ou pelo seu carisma. Porém, esses mesmos argumentos não funcionam com pessoas que conhecem mais aprofundadamente as questões da ciência e da genética, ou que pelo menos se dão ao trabalho de pensar pelas suas próprias cabeças.

Silas Malafaia pecou nos seus argumentos, pois nem ao menos citou as referências das fontes dos estudos que utilizou como base das suas ideias (ao contrário do biólogo do vídeo). Outro erro grave do pastor é a sua interpretação superficial e manipulatória da Lei Contra a Homofobia. Em parte da entrevista o pastor fala que se alguém olhar feio para um homossexual é passivo de processo, mas o que o pastor omite, seja de forma pensada ou ignorantemente, é que isso depende da interpretação do juiz e que em direito as coisas não são tão rígidas assim, principalmente coisas de caráter filosófico.

Outra parte da entrevista que o pastor tropeça, é na questão da adoção de crianças por casais homoafetivos. O pastor sugere que tais crianças sejam observadas daqui a cinquenta anos, sugerindo algum problema, mas ao contrário da questão da formação da homossexualidade, ele não cita dados de estudos, ou seja, esta opinião é embasada apenas no seu modo de pensar. O pastor fez um prejulgamento sem base em nada, e o pior em certa parte compara a criação de homossexuais à criação de pais levianos (o pastor precisa ler essa matéria da revista Superinteressante).

O pior de tudo isso é ver gente dizendo que o pastor deu um show de argumentação, me pergunto em que parte da entrevista apareceu esse show. É preciso que as pessoas saibam diferenciar as coisas e não sair acreditando em tudo que um líder religioso carismático fala. Pesquise a respeito das coisas, principalmente a respeito desses temas tão polêmicos e importantes para a sociedade contemporânea. Religião não é sinônimo de ignorância e seu líder espiritual não é o dono da verdade. #FicaADica.

Curtiu o post e que ver mais conteúdo de primeira? Então acesse a minha fanpage no Facebook ou siga-me no Twitter.

Marcado com: , , ,
Publicado em comportamento, Mundo, Pensamentos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 447 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: