O Brasil de Hoje!

epochtimes.com.br

Nem o mais criativo dos roteiristas de Hollywood poderia pensar em um cenário tão interessante quanto o atual cenário político brasileiro. Uma trama cheia de intrigas, reviravoltas e jogadas me mestre. Onde de um lado temos um governo patinando na economia, sem rumo ou projeto. Que está encharcado pela corrupção e que tem feito as piores manobras possíveis. Do outro temos uma oposição irresponsável e revanchista. Que não está preocupada com os rumos do país, mas que está focada no poder pelo poder. Que não mostra alternativas para a crise, que não apresenta propostas para acabar com a corrupção, e que está tão encharcada na corrupção quanto o governo.

Para piorar temos um juiz que virou justiceiro, e que ao tentar levar a cabo a sua missão, tem agido algumas vezes a margem da lei. Que tem construído para si, sem nenhum pudor, a imagem de herói, e que parece bem intencionado, mas que pode está sofrendo de narcisismo.

Dando o tom a tudo isso vemos a grande mídia, que muitas vezes parece não está interessada em informar, mas direcionar a inconformação das pessoas para determinado grupo ou indivíduo, e para isso, muitas vezes utiliza de inverdades e meias verdades. Sem imparcialidade transformaram tudo em um circo.

1410charge

A corrupção não é exclusividade do governo e dos políticos. Faça a sua parte e seja honesto!

No meio de tudo, está o povo. Alguns sofrendo da bipolaridade política pobre (Coxinhas X Petralhas), outros se iludindo com a sua raiva seletiva, tem quem queira a volta dos militares (mesmo que isso signifique jogar as favas a liberdade de expressão e o estado de direito). Tem pessoas que estão demonizando cores e que podem chegar ao extremo de agredir quem discorde de sua posição. Existe também aqueles que são contra o governo e contra a oposição, e que são contra o impeachment, e esses são chamados de indecisos, que estão “em cima do muro”.

Estamos vivendo um período nebuloso, onde temos mais dúvidas do que certezas (menos no Facebook, onde todo mundo tem certeza). Onde a instabilidade política agrava a crise econômica, e onde não temos referências em relação à lideranças políticas.

Mas acredito que depois da tempestade vem a calmaria, e que algumas vezes a crise é importante para nos fortalecer, se soubermos nos fortalecer. Que possamos tomar como exemplo a Espanha e o Podemos, e criar mais que um partido, mas um movimento popular de transformação política. Que cobremos a Reforma Política, que se não resolva o problema da corrupção que pelo menos minimize-a e que ponha os culpados na cadeia, independente de partidarismo, e que possamos entender que a corrupção é um problema estrutural e não a invenção de um único partido político.

De qualquer forma, mesmo com excessos e algumas distorções, vejo como saldo positivo o que está acontecendo, pois hoje a política virou assunto das pessoas, e só com o despertar desse interesse é que podemos dialogar e construir algo melhor.

Vamos dialogar, vamos nos informar e vamos nos transformar para assim transformar o mundo que nos cerca.

Anúncios
Marcado com: , ,
Publicado em comportamento, Mundo, Pensamentos, política

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 445 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: