8 habilidades que todo jovem de 18 anos deve ter

jovens

Os 18 anos é um idade importante, pois é a entrada da vida adulta, pelo menos na forma de maioridade penal. Agora o jovem passa a responder por si e pode fazer uma série de coisas que antes não poderia. É também, muitas vezes, a época da entrada no universo acadêmico.

É um período importante de transição, onde o jovem adulto passa a ter mais controle sobre sua vida, e por isso é essencial que ele desenvolva certas habilidades. No seu livro “How to Raise an Adult” (“Como Criar um Adulto”, editora Rocco) a ex-reitora de Stanford Julie Lythcott-Haims, mostra que habilidades os jovens de hoje devem ter. Para a autora, muitas vezes, a grande interferência dos pais na vida dos filhos os deixa despreparados para crescer e se desenvolver como adultos. Através dessa observação, além da experiência da mesma como reitora e de conversas com comitês de seleção de universidades e outros reitores, Julie usou a sua expertise ao responder à pergunta “Quais são as habilidades que todo jovem de 18 anos deveria ter? A resposta vai te surpreender na forma de uma lista de 8 tópicos que mostra que, às vezes, independência é mais importante do que conhecimento técnico/acadêmico ou fluência em outros idiomas. Confira a lista:

1 – Um jovem de 18 deve conseguir falar com estranhos

Para pedir uma informação, para pedir uma pizza, para ser bem entendido pelo médico, para falar em público e para se sair bem em uma entrevista de emprego é necessário que o jovem consiga se comunicar com outras pessoas, no mundo real, não no virtual. Quando ensinamos nossos filhos a não conversar com estranhos, prestamos um grande desserviço a elas, pois é mais importante fazê-as discernir entre os poucos maus estranhos e os muitos bons que existem. Como consequência elas acabem não sabendo como abordar desconhecidos (de forma respeitosa e fazendo contato visual) para pedir ajuda, informação, conselhos e um direcionamento.

2 – Um jovem de 18 deve conseguir andar por aí

Hoje os pais tem a necessidade de levar os seus filhos para os lugares, ou buscá-los na escola, ou acompanhá-los para todos os lados, mesmo quando eles poderiam fazer isso de ônibus, bicicleta ou com as próprias pernas. A consequência disso são jovens que não sabem usar o transporte público, não possuem senso de direção e que não sabem fazer um planejamento de deslocamento.

3 – Um jovem de 18 anos deve conseguir organizar suas tarefas, trabalhos e prazos

No mundo acadêmico e profissional saber se organizar, estabelecer prioridades e cumprir prazos não é só primordial, como pode ser um tremendo diferencial. Quando os pais “ficam no pé” do jovem lembrando eles o tempo todo das tarefas que devem ser feitas, ajudando-os ou fazendo a tarefa por eles, prejudicamos eles no desenvolvimento de habilidades como lidar com muitas tarefas e cumprir deadlines sem um lembrete constante.

4 – Um jovem de 18 anos deve contribuir para a rotina da casa

Muitos dos jovens de hoje não ajudam nas tarefas em casa, o que acaba ajudando a formar adultos dependentes e que terceirizam muitas coisas que eles mesmos poderiam fazer. Lembre-se que um dia esse jovem vai morar só ou constituir família. Jovens que não sabem como cuidar de si mesmos, são propensos a não respeitarem as necessidades dos outros ou fazer sua parte para o bem de todos.

5 – Um jovem de 18 anos deve conseguir lidar com problemas interpessoais

Muitos pais acabam se  intrometendo para solucionar um mal-entendido e acalmar sentimentos machucados dos filhos. Consequência: eles não sabem como lidar e solucionar conflitos sem a intervenção de terceiros. Isso gera um grande problemas para as instituições que vão trabalhar com esse jovem posteriormente, seja uma instituição de ensino ou uma empresa.

6 – Um jovem de 18 anos deve saber lidar com altos e baixos

O desenvolvimento de habilidades intrapessoais é muito importante para viver no mundo de hoje. Quando nós nos intrometemos quando as coisas ficam difíceis, terminamos a tarefa, estendemos o deadline e conversamos com os adultos, acabamos criando adultos que não sabem que no curso da vida nem sempre as coisas serão como esperam, como consequência eles serão pessoas inseguras, frustadas e muitas vezes deprimidas.

7 – Um jovem de 18 anos deve ser capaz de ganhar e administrar seu dinheiro

Eles não trabalham meio-período, recebem mesadas para o que quiserem ou precisarem. Consequência: não desenvolvem um senso de responsabilidade por cumprir tarefas, não prestam contas a um chefe que não os ama incondicionalmente, não têm consideração pelo valor das coisas, nem sabem como administrar dinheiro. É importante desenvolver desde cedo o valor do trabalho, da boa administração do seu dinheiro e etc. Tornaram-se adultos mais sábios e responsáveis.

8 – Um jovem de 18 anos deve ser capaz de tomar riscos

Os pais, muitas vezes, traçam os caminhos que os jovens devem seguir, tentando evitar armadilhas e tropeços. Mas é importante que os jovens saibam que os erros são parte do processo e que o sucesso vem através da tentativa e da falha e da tentativa de novo (determinação) e ou a habilidade de ser firme na queda (resiliência) que só vem quando lidamos bem com as coisas que deram errado. Estas são qualidades dos maiores empreendedores e é uma qualidade essencial para os jovens neste novo mundo.

Nossos jovens devem ser o mais independentes possível, devem ser capazes de fazer tudo isso sem pedir auxílio para os pais. Se eles estão nos ligando para perguntar “como?”, eles ainda não têm a habilidade para a vida, e a vida é dura. Ajude a desenvolver essas habilidades no seu filho, pois ele terá uma vida melhor e mais independente.

Nota: Eu particularmente me vejo em várias dessas situações, pois tive uma mãe super protetora e isso me atrapalhou muito por algum tempo. Se eu não tivesse feito teatro na escola e outras atividades que me ajudaram, talvez hoje eu seria um homem introvertido e com dificuldades de comunicação. Sei que os pais não fazem por mal, mas interferir demais e não dá limites é prejudicial e como consequência gera adultos inseguros e dependentes.

Fontes: Exame e Estudarfora.org

Curtiu o post? Então comente, compartilhe, assine o nosso feeds e siga-nos nas redes sociais. O Willy Blog tem o compromisso de disponibilizar conteúdo de qualidade e relevante para você. Fique ligado nos próximos posts para se diferenciar.

 

Marcado com: , , ,
Publicado em comportamento

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 447 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: